BrasilJuiz de Fora

“O treino não está só na piscina, está na vida”: ISN Portal conversa com Gabriel Araújo, nadador convocado para disputar as paralimpíadas de Tóquio 

Nossa equipe acompanhou Gabriel em um dia de treino no Clube Bom Pastor. O recordista do Parapan 2019 em natação revelou de onde vem sua força para seguir em frente.

Gabriel Araújo é nome de muita determinação. O jovem de apenas 19 anos nasceu sem os braços e com as pernas atrofiadas, o que não o impediu de seguir em frente e se tornar um dos atletas paralímpicos mais promissores da natação brasileira.

O ISN Portal acompanhou Gabriel em um dia de treino no Clube Bom Pastor (CBP). O atleta conversou com a nossa equipe e também recebeu a jornalista Michele Pacheco e o repórter cinematográfico Robson Rocha, da ISTV.

De máscara, com um sorriso nos olhos, Gabriel conversou com as equipes do ISN Portal e da ISTV no início da noite do dia 16, um pouco antes de começar a treinar na piscina aquecida do CBP.

O paratleta Gabriel Araújo recebeu a equipe do ISN Portal e da ISTV em um dia de treino – Foto: Manfrini Lucas

No último Parapan, em 2019, Gabriel conquistou cinco medalhas, sendo duas de ouro, duas de prata e mais uma de bronze, nos jogos que aconteceram em Lima, capital do Peru.

De 2019 pra cá, o menino que cresceu em Corinto, cidade mineira localizada a 519 km de Juiz de Fora, treinou ainda mais, com o objetivo de chegar às paralimpíadas de Tóquio, no Japão.

Minha cabeça ficou mais focada. O treino não está só na piscina, está na vida. 

Conta Gabriel

De acordo com o treinador Fábio Antunes, responsável pela preparação de Gabriel, o atleta está mais focado para disputar os jogos paralímpicos de Tóquio.

 De 2019 pra cá, a gente teve que aprender a ter mais paciência, a controlar mais a ansiedade. O Gabriel está mais maduro. Ele é um atleta muito focado, busca o melhor a cada dia. Isso ajuda muito. Destaca Antunes.

Convocado

Gabriel conquistou bons índices durante a seletiva que participou em junho deste ano, no Centro de Treinamento do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em São Paulo, pela classe S2. O atleta registrou os tempos de 56s93 nos 50m costas, recorde brasileiro, repetiu o feito histórico nos 100m

O anúncio da convocação aconteceu de forma virtual. Gabriel de apenas 19 anos irá nadar as provas dos 50m e 100m costas, além dos 200m livre, já o treinador Fábio, fará parte da comissão técnica da seleção do evento.

A expectativa de medalhas é grande, já que o paratleta conquistou cinco delas no último ParaPan em 2019.

As vezes não cai a ficha, mas eu venho treinando forte a cada dia… Eu nadei por Corintos, fui para o campeonato estadual, ParaPan e agora as Paralimpíadas. A cada vez que aumenta a responsabilidade, mais aumenta a minha motivação.

–  Gabriel.

Gabriel também destaca que conta com o apoio de diversos profissionais, como nutricionista, psicólogo, fisioterapeuta. “É um time. Todos unidos.”

Origem da força

Gabriel teria todos os motivos possíveis para desistir, as condições físicas do atleta não foram obstáculos para ele deixar de seguir no sonho. A força transmitida por Gabriel contagia o ambiente. O sorriso dele é perceptível mesmo com a máscara cobrindo o rosto dele.

O ISN Portal perguntou ao Gabriel de onde vem a energia, a motivação e a força que ele é capaz de retransmitir a todas as pessoas ao redor. Confira a reposta dele no vídeo abaixo.

 

Partiu Tóquio!

Mesmo sem falar uma única palavra em japonês, Gabriel e o técnico Fábio já demonstram ansiedade para viajar ao país sede das olimpíadas e paralimpíadas.

Atleta e treinador embarcam para Belo Horizonte nesta quarta-feira, 21, onde ficarão hospedada até o dia 27, data em que os dois partem para São Paulo, onde vão se encontrar com outros atletas para seguirem  juntos rumo a Hamamatsu, cidade japonesa localizada na província de Shizuoka, a 251 km da capital Tóquio.

Orgulho 

O presidente do Clube Bom Pastor, Luiz Gustavo Micherif, comemora o desempenho e resultado de Gabriel.

“Todo o treinamento e acompanhamento foi feito da melhor forma possível para que hoje pudéssemos receber essa grande notícia e festejar junto ao Gabriel. Estamos muito orgulhos e a torcida está lançada. Todo o Clube Bom Pastor está vibrando e continuará apoiando esse grande atleta que está fazendo história na natação. Temos as melhores expectativas com nosso atleta em Tóquio, ele é uma promessa!”,

ressalta orgulhoso.

 

Continue lendo

Artigos relacionados