Ubatuba

Ubatuba realiza dia de vacinação contra Covid-19 no sábado (15)

Doze unidades de saúde de Ubatuba estarão abertas no sábado, 15 de maio, das 8h às 17h, para realizar a vacinação em primeira dose contra a Covid-19 exclusivamente para pessoas com comorbidades na faixa etária de 50 a 59 anos. Em algumas unidades, também haverá vacinação contra Influenza para idosos com 60 anos ou mais de idade e professores.

A modificação na estratégia de vacinação contra a Covid-19 leva em conta o grande número de pessoas incluídas nesse grupo prioritário, que impossibilita a realização de agendamento prévio. A expectativa é de vacinar mais de 3.000 pessoas desse grupo.

Pessoas de 50 a 59 anos de idade que se enquadram nos quadros de comorbidades definidas pelo Ministério da Saúde (ver lista no final do texto) poderão comparecer a qualquer unidade de sua região que estará aberta, levando o número de CPF e comprovante da comorbidade contemplada, que pode ser laudo médico atualizado, exames, receitas, relatório médico ou prescrição médica.

Veja a seguir quais as unidades de referência que abrirão em cada região.

REGIÃO OESTE

ESF Ipiranguinha e ESF Marafunda: referências para moradores desses bairros e dos frequentadores das unidades do Horto e Jardim Carolina.

REGIÃO CENTRAL

ESF Cícero Gomes, ESF Estufa 2 (da praça), ESF Sesmaria, ESF Estufa 1 e ESF Perequê-Açu: referências para frequentadores das unidades citadas e do ESF Itaguá.

REGIÃO NORTE

ESF Taquaral e ESF Puruba: referências para moradores da região Norte.

REGIÃO SUL

ESF Perequê-Mirim, ESF Praia Dura e ESF Maranduba: referências para frequentadores das unidades do Araribá e Tabatinga, Sertão da Quina, Lagoinha, Rio Escuro e Saco da Ribeira.

Vacina contra Influenza

No sábado, 15 de maio, também haverá vacinação das 8h às 17h contra a gripe Influenza (H1N1 e H3N2) nos seguintes locais: Escola Técnica de Enfermagem (Etenf), na rua Cunhambebe, 468 – Centro, e nos postos de saúde da Lagoinha e Ipiranguinha.

Atenção: a vacina contra a Influenza não pode ser aplicada junto com a vacina contra a Covid-19: é preciso garantir um tempo mínimo de 14 dias entre uma vacina e a outra. Enquanto não há estudos conclusivos sobre a coadministração das vacinas, a orientação do Ministério da Saúde é priorizar a imunização contra a Covid-19 e realizar o agendamento da vacina contra a Influenza, respeitando o intervalo mínimo de 14 dias entre elas.

Lista de comorbidades, conforme Ministério da Saúde

  • Diabetes mellitus
  • Hipertensão arterial (HA) estágio 3; HA estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidades; hipertensão resistente
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica
  • Insuficiência renal (vacinação feita no local onde realiza diálise ou hemodiálise)
  • Doenças cardiovasculares e cerebrovasculares
  • Indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea (somente sob agendamento das unidades)
  • Demais indivíduos imunossuprimidos
  • Anemia falciforme
  • Obesidade grau 3 (IMC≥40)
  • Síndrome de Down (neste caso, a vacinação ocorre na Apae ou sob agendamento nas unidades de saúde)

*Fonte: Prefeitura de Ubatuba

Continue lendo

Artigos relacionados