eSports

CS:GO: “Minha opinião não era valorizada”, diz Twistzz sobre Team Liquid

Um dos principais jogadores da FaZe Clan ao lado de Helvijs “broky” Saukants, Russel “Twistzz” Van Dulken falou em entrevista ao Dot Esports detalhes que andavam debaixo do tapete após a saída da Team Liquid. Seis meses após completar a escalação europeia, o atleta falou abertamente sobre os motivos que o levaram a deixar a Cavalaria.

+ CS:GO: Red Bull apresenta torneio em dupla aberto para a comunidade
+ CS:GO: Fnatic está fora do top 30 pela 1ª vez após quase 5 anos

Twistzz mostrou que o clima não estava dos melhores, principalmente após a saída de Nicholas “nitr0” Cannella. De acordo com ele, o grupo já não o escutava mais, fazendo com que ele perdesse a confiança e, por isso, tivesse sentido que o período dele no clube já havia chegado ao fim.

“Achei que tudo o que eu recomendava era meio negligenciado. Minha opinião não era valorizada e senti que eles não tinham confiança no que eu estava dizendo, especialmente depois que nitr0 saiu. Eu não tinha muito a dizer e senti que se tivesse, não seria ouvido. Se não houver esse respeito mútuo, você perde a confiança individualmente”, revelou.

Um dos exemplos que ele deu para as vezes em que não foi ouvido foi referente à função que ocupava dentro do servidor. Isso porque Twistzz aponta que tinha a ideia de mudar seu estilo de jogo, pois estava achando que seu papel de lurker e suporte estava muito previsível. Porém, ele precisaria da contribuição do time para isso.

“Lembro que por volta do último evento do ano, tentei expressar para a equipe que sentia que meu papel estava se tornando inútil. Todo mundo sabe como eu desempenho esse papel de lurker e suporte, e a única maneira de mudar meu estilo de jogo é se o time ajustar o seu estilo de jogo, para que o que eu estiver fazendo não fique tão óbvio. Foi difícil expressar isso para a equipe, mesmo agora como eu acabei de explicar. Não havia como eu expressar isso para o time porque não conseguia encontrar as palavras”, desabafou o rifler.

Twistzz atuando pela Team Liquid (Foto: Reprodução/HLTV)

Agora, entretanto, Twistzz indica que encontra um novo ambiente na FaZe Clan. Apesar do time ainda não ter engrenado como era de se esperar, além de contar com a saída de Marcelo “coldzera” David, o jogador aponta que se sente com mais voz dentro do time, principalmente após a chegada de Finn “karrigan” Andersen.

“Minha voz é, definitivamente, mais ouvida e karrigan realmente valoriza a minha opinião. Antes, meu trabalho era apenas atirar na cabeça. Mas, agora, ajudo a ditar o ritmo do jogo e ajudo karrigan com a call no meio das rodadas”, contou o jogador.

Continue lendo

Artigos relacionados