eSports

R6: Treinador acusa analista de tentativa de abuso sexual durante o Six Major 2019

Uma história de uma suposta tentativa de abuso sexual veio à tona no cenário internacional do Rainbow Six. Daeda, atual treinador e analista da TSM, acusou uma analista de tentativa de abuso sexual durante o Six Major 2019. Daeda não revelou a identidade a pessoa.

Em uma publicação no Twitter, Daeda conta como a história se construiu. Na época, o analista estava com a equipe da Spacestation. Segundo o treinador, após a eliminação da competição, ele foi ao bar do hotel para “checar um de nossos jogadores” e decidiu tomar um dose de vodka. “Lá [no bar], encontrei-me com alguém de quem fui fã antes por causa de seu tempo em um esporte diferente quando eu tinha 12 anos”.

     

Segundo o relato, o “ela e eu começamos uma conversa sobre meu coração quando ela estava indo para a área médica (eu acho, já faz um ano) e ela pediu mais algumas doses de vodka”, disse Daeda. Depois disso, os dois se encontraram com uma terceira pessoa, um analista de outra equipe que também não teve o nome divulgado. “Nós três começamos uma conversa sobre o programa piloto e a noite continuou”, contou.

six major
Equipe da Spacestation durante o Six Major 2019. Foto: Rainbow Six Esports

Após essa conversa, Daeda afirmou que subiu para o seu quarto, mas não conseguiu entrar pois havia perdido sua chave e como a acomodação estava no nome da organização que atuava, não conseguiu entrar no dormitório. Com isso em mente, voltou ao saguão para tentar falar com um de seus jogadores.

No saguão, Daeda conta que viu os dois com quem conversara não estavam mais por ali, mas percebeu que a mulher havia esquecido sua bolsa de mão. Eles voltaram para pegar o pertence.

“Nesse ponto, eram quase três horas da manhã e meus jogadores não estavam respondendo. Eu estava conversando com os dois sobre ser trancado do lado de fora e ela se ofereceu para me deixar ficar no sofá de seu quarto de hotel e eu aceitei”, disse.

Daeda percebeu que o outro analista estava agiando estranhamente e desconfiou que ele teria algum interesse na mulher, o que, sabendo da história completa, não era a verdade. Então foram ao quarto da analista para dormir.

six major
Equipe ficou com o sétimo lugar na competição. Foto: Rainbow Six Esports

Ao chegar no quarto, o treinador afirmou que a mulher estava agiando de maneira estranha. “Ela abriu o laptop e nos mostrou uma montagem de Overwatch e depois foi se preparar para dormir”, disse. “O outro analista ficou apontando para a porta, mas eu estava confuso e não me movimentei”, conta.

Após isso, Daeda revelou que o outro analista chegou perto dele e revelou que havia alguma aba no laptop onde a mulher estava tentando grava-los e que tentaria fazer sexo com Daeda, se pudesse. “Em estado de choque, saí da minha confusão bêbada e saímos, mas não depois que ele conseguiu uma imagem da tela dela mostrando que ela tinha uma guia aberta com o indicador de gravação nela”.

Segundo o relato, o outro analista que revelou o suposto esquema para Daeda já conhecia o modus operandi da analista. “Aparentemente, em um outro evento, ela tinha um relacionamento com um de seus jogadores e havia feito exatamente a mesma coisa”, contou. Daeda afirma que se não fosse o aviso teria aproveitado e teria sido gravado para “Deus sabe o quê”.

“No dia seguinte, eu não dormi e alguém me apresentou a outra pessoa, que compartilhou uma história semelhante dela visando jovens profissionais do esporte, embebedando-os e tentando colocá-los em espaços privados e gravá-los”, revela o atual treinador da TSM.

six major
Six Major 2019 foi disputado em Raleigh, EUA. Foto: Rainbow Six Esports

Veja também: R6: mav anuncia desligamento da FaZe

Artigos relacionados


Botão Voltar ao topo