Tecnologia e Ciência

7 séries parecidas com O Gambito da Rainha para quem ficou querendo mais

A Netflix já anunciou que a minissérie O Gambito da Rainha é a mais assistida de todos os tempos em sua plataforma. Quem diria que uma história tão simples e dramática fosse atrair tanto a atenção do público, não é mesmo?

Existem diversos fatores que podem contribuir e confirmar o sucesso da produção. Além do protagonismo de uma jovem em formação (interpretada brilhantemente por Anya Taylor-Joy) e da ambientação de época, somos apresentados a um mundo extremamente competitivo dos jogos de xadrez, de dramas intensos e repleto de camadas significativas.

Portanto, uma lista como esta é essencial para aqueles que se deliciaram com todos os episódios da minissérie e querem assistir a algo parecido. Vale lembrar que nenhuma dessas produções é inteiramente idêntica à referida obra da Netflix, mas têm elementos similares.

Cada uma dessas indicações, com suas particularidades, se aproximam em alguns quesitos de O Gambito da Rainha.

Confira.

1. Endgame

(Reprodução)Fonte:  Showcase 

Criada por Avrum Jacobson, Endgame tem um ex-enxadrista como protagonista. A trama segue o ex-campeão mundial de xadrez Arkady Balagan (interpretado por Shawn Doyle), que depois de se aposentar do mundo competitivo dos tabuleiros resolveu utilizar suas mais diversas habilidades analíticas para resolver crimes.

Composta de apenas 13 episódios, a produção canadense chama a atenção pelos mistérios envoltos a cada personagem que é apresentado. A atmosfera de tensão ganha ares inovadores quando vemos que o tabuleiro de xadrez, na verdade, está mais vivo do que qualquer outra coisa.

2. The White Queen

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  Starz 

Nesta minissérie britânica, os espectadores são apresentados a um conflito que ficou historicamente conhecido como a Guerra das Rosas. Dentro desse contexto, são apresentadas Isabel Woodville (Rebecca Ferguson), Margarida Beaufort (Amanda Hale) e Anne Neville (Faye Marsay), as mulheres que se envolveram de diversas formas em torno de todos os jogos políticos desse impasse.

Além de o público estar em contato com figuras vistas no tabuleiro de xadrez, como reis, rainhas e princesas, há um conflito muito interessante que necessita de todas as estratégias possíveis. Outro fato a ser destacado é que também há a presença do protagonismo feminino — um elemento de extrema importância para a narrativa.

3. Mad Men

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  AMC 

Muito além dos jogos de xadrez, em Mad Men vemos a competitividade em outras esferas sociais. Aqui, o mundo dos negócios, e especificamente falando da publicidade , tem diversos altos e baixos que podem deixar os nervos dos envolvidos à flor da pele.

Para além disso, os conflitos internos dos personagens também têm muito em comum com a minissérie da Netflix, justamente pela forma como são abordados. E não podemos deixar de lembrar que essa também é uma trama de época.

4. The Marvelous Mrs. Maisel

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  Amazon Prime Video 

Outra trama de época que aposta no protagonismo feminino é The Marvelous Mrs. Maisel, disponível no catálogo do Amazon Prime Video. Nela, vemos como uma mulher conseguiu alcançar seus objetivos no mundo do stand-up. Essa é uma proximidade bem relevante quando colocamos as duas séries lado a lado.

Certamente, com um clima mais descontraído, quem gostou de O Gambito da Rainha pode se interessar pelos episódios da Mrs. Maisel.

5. The Alienist

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  TNT/Netflix 

Protagonizada por Daniel Brühl, Luke Evans e Dakota Fanning, The Alienist mistura drama com “toques adocicados” de suspense para contar uma história que se passa na Nova York de 1890. A trama aborda uma série de investigações relacionadas a assassinatos brutais cometidos contra crianças marginalizadas.

A trama ainda possui um “quebra-cabeças” muito interessante a ser “montado” pelo público e cativa, aos poucos, devido a seu desenvolvimento.

6. Billions

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  Showtime 

Um jogo de xadrez, como visto em O Gambito da Rainha, precisa de pelo menos dois competidores muito interessados em vencer e se articular, em todas as suas habilidades ao seu favor. Talvez seja isso que aproxime a minissérie referida com a série Billions. A trama extremamente política aposta no desenvolvimento da disputa acirrada entre dois homens que estão em lados opostos da lei.

Os embates, vistos ao longo dos episódios, são dignos de qualquer competição de xadrez.

7. Hostages

(Reprodução)(Reprodução)Fonte:  CBS 

Por último, mas não menos importante, uma minissérie com uma trama bastante intrincada, que poder fazer qualquer espectador “roer todas as suas unhas”. Em Hostages, a médica do presidente dos Estados Unidos é sequestrada dentro de sua própria casa — junto de sua família — e coagida a matar seu paciente mais importante.

No entanto, aos poucos, vemos que ela (interpretada por Toni Collette) pode ser mais inteligente do que os criminosos que invadiram sua residência. Os duelos e embates começam e a partir daí mergulhamos em uma história cheia de conflitos eletrizantes.

Continue lendo

Artigos relacionados


 
Botão Voltar ao topo