Saúde

Hospitais de campanha de São Paulo têm 157 pacientes internados

Os dois hospitais de campanha de São Paulo, criados para o tratamento de pacientes com coronavírus em situação de baixa ou média complexidade, estavam com 157 pacientes internados nesta sexta-feira (17).

No hospital do Estádio do Pacaembu, está a maior parte desses pacientes: dos 200 leitos existentes no local, 81 estavam ocupados hoje. Oito pacientes estavam internados na sala de estabilização [equipada para casos mais graves].

Já no hospital de campanha do Anhembi havia 76 pacientes internados, dos quais dois estavam na sala de estabilização. Sete pacientes da unidade do Anhembi tiveram alta e dois tiveram que ser transferidos por agravamento clínico.

A cidade de São Paulo tem, até hoje, 9.537 casos confirmados de coronavírus, com 690 mortes. Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, a cidade investiga 35.410 casos e 1.138 óbitos suspeitos de coronavírus.

Os distritos de Sapopemba, Itaquera, Jabaquara e Jardim Ângela foram os que registraram maior número de casos de coronavírus na cidade. Entre os casos confirmados, a maior parte foi identificada na população entre 30 e 39 anos: sendo 1.010 homens e 1.555 mulheres infectados. Em seguida, aparece a população entre 40 e 49 anos, com registro de 888 homens e 1.164 mulheres infectados.

Leitos

Segundo a secretaria, nesta quinta-feira(16), havia 226 pessoas internadas em enfermarias nos hospitais municipais da cidade, que juntos têm 321 leitos. Já nos leitos de retaguarda, em prontos-socorros, 155 pessoas estavam internadas em enfermarias e havia 102 leitos vagos. Nas unidades de terapia intensiva (UTIs) da capital, os internados eram 230 e ainda havia 161 leitos vagos até ontem.                      

Afastamentos

De acordo com o boletim semanal divulgado hoje pela secretaria, 2.525 dos 59.364 profissionais da rede básica de saúde foram afastados do trabalho por síndrome gripal. A isso se somam os 292 profissionais que foram afastados por causa da covid-19. Houve também a ocorrência de quatro óbitos relacionadas ao novo coronavírus.

Já na rede hospitalar municipal, dos 17.972 profissionais registrados, 775 foram afastados por síndrome gripal, 223 por confirmação de covid-19. Foram confirmadas seis mortes.

Continue lendo

Artigos relacionados


 
Botão Voltar ao topo