Brasil

Homicídios dolosos e latrocínios aumentam no estado de São Paulo

Os homicídios dolosos aumentaram 23% em março deste ano no estado de São Paulo, na comparação com o mesmo mês do ano passado, passando de 231 para 285 casos. O número de vítimas desse tipo de crime passou de 255 para 296. As estatísticas criminais foram divulgadas na tarde desta sexta-feira (24) pela Secretaria de Segurança Pública do estado (SSP-SP).

O número de latrocínios – roubo seguido de morte – dobrou no mês passado ante o ano de 2019, passando de nove casos para 18. Já o número de vítimas de tais crimes passou de 10 para 18.

Os boletins de ocorrência de estupro tiveram redução de 7,2%, na mesma base de comparação, com 74 crimes a menos – o número de registros no mês passou de 1.027 para 953.

Já no indicador de roubos em geral, houve redução foi de 6,6%. A quantidade passou de 21.991 para 20.530 na comparação dos meses de março de 2019 e 2020. Os roubos de veículos caíram 21,3%, passando de 4.045 para 3.183. É a primeira vez, desde o início da série histórica, em 2001, que o indicador fica abaixo de 4 mil ocorrências.

Os roubos a banco subiram de dois para quatro, enquanto os roubos de carga caíram de 607 para 580 na comparação mensal.

Os indicadores de furto – em geral e de veículo – tiveram queda de 31,6% e 24,5%, respectivamente. No primeiro caso, o total passou de 48.390 em março de 2019 para 33.098 em março de 2020. No segundo, a soma passou de 7.670 para 5.792. Em ambos, os totais são os menores da série.

Continue lendo

Artigos relacionados


 
Botão Voltar ao topo