Guarujá

Jovem é agredido e morto por  seis pescadores  no Guarujá

O Estudante Kauan Silva de 17 anos, foi morto por seis pescadores  por causa de uma barraca, no Jardim Enseada, em Guarujá. O rapaz, a esposa e uma amiga estavam na cidade a passeio. De acordo com a Polícia Civil, a agressão ocorreu após uma discussão, mas a família nega e afirma linchamento.

A esposa da vítima que prefere não se identificar presenciou tudo. Segundo ela, um deles passou pedindo para desmontar a barraca por conta da fiscalização, eles disseram aos homens que iriam desmontar e, em seguida, foram até a beirada da água para molhar os pés. e logo depois voltou com mais cinco pescadores, o marido tinha xingado em voz baixou e então começaram a bater no rapaz.

“Os seis agrediam ele com chutes e soco, e eu só vi meu marido no chão tentando se defender. Como fomos acampar, a única ‘arma’ que tínhamos era um canivete e feri um dos que estavam agredindo ele. Um deles me bateu com um pedaço de bambu, deu dois socos na minha amiga”, desabafa a jovem.

O rapaz chegou a ser socorrido pelo o Samu e levado ao Pronto de Socorro, mas não resistiu e morreu. O caso foi registrado como lesão corporal seguido de morte na Delegacia do Guarujá. Os agressores ainda não foram identificados.

Fonte: G1

Continue lendo

Artigos relacionados


 
Botão Voltar ao topo