Bertioga

Bertioga apresenta Plano de Imunização contra a Covid-19

 

O prefeito anunciou nesta terça-feira (12) o Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19 em Bertioga, durante transmissão ao vivo nas redes sociais. A ação seguirá o calendário divulgado no Plano Estadual de Imunização (PEI), com início previsto para o dia 25 de janeiro. A data depende de confirmação do Governo do Estado, responsável pelo envio de doses aos municípios.

Seguindo o cronograma estadual, o público-alvo nesta primeira etapa será de 5.430 pessoas, sendo 1.591 profissionais da saúde e 7.798 idosos, que serão imunizados de forma escalonada conforme a idade, a partir de 08 de fevereiro. (confira no calendário abaixo).

“Enquanto aguarda a liberação e o envio da vacina, Bertioga já está preparada para a imunização da população. A vacina contra a Covid-19 traz esperança para a preservação de milhares de vidas e para uma retomada mais segura da economia”, afirmou o prefeito.

Em Bertioga, a imunização acontecerá nas Unidades Básicas de Saúde e de Estratégia de Saúde da Família. O atendimento será realizado de segunda a sexta-feira, das 9 às 16 horas. Ao todo, 98 profissionais estarão envolvidos na campanha.

Para intensificar a imunização, a ação terá um posto volante que percorrerá os bairros que não contam com unidade de saúde. O cronograma prevê ainda a realização de um dia “D” de vacinação, em um sábado, com data a definir.

Nesta quarta-feira (13), técnicos da Secretaria de Saúde do Município participarão de videoconferência com o Grupo de Vigilância Epidemiológica da Baixada Santista para tratar sobre o Plano de Vacinação contra a Covid-19 em nível regional.

ACAMADOS
Para a vacinação dos idosos acamados será necessário entrar em contato por telefone com a Unidade de Saúde onde o mesmo já é atendido para realizar o agendamento e aguardar posterior contato da Vigilância Epidemiológica.

SOBRE A VACINA
A vacina que será aplicada é produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, ligado ao Governo do Estado. A aplicação é feita em duas doses, com intervalo de 21 dias.

De acordo com o Butantan e o Governo de São Paulo a vacina contra o coronavírus obteve 50,38% de eficácia global no estudo clínico desenvolvido no Brasil, além de proteção de 78% em casos leves e 100% contra casos moderados e graves da Covid-19. Todos os índices são superiores ao patamar de 50% exigido pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

CONFIRA O CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19

Trabalhadores da saúde
25/01 – Início da aplicação da primeira dose
15/02 – Início da aplicação da segunda dose

Pessoas com 75 anos ou mais
08/02 – Início da aplicação da primeira dose
01/03 – Início da aplicação da segunda dose

Pessoas com idade entre 70 e 74 anos
15/02 – Início da aplicação da primeira dose
08/03- Início da aplicação da segunda dose

Pessoas com idade entre 65 e 69 anos
22/02 – Início da aplicação da primeira dose
15/03 – Início da aplicação da segunda dose

Pessoas com idade entre 60 e 64 anos
1º/03 – Início da aplicação da primeira dose
22/03 – Início da aplicação da segunda dose

Continue lendo

Artigos relacionados


 
Botão Voltar ao topo